Dicas de Leitura

Cilada para um Marquês – Sarah MacLean

postado em novembro 08, 2018
Boa tarde meus queridos leitores!!! Mais uma vez desculpa pela minha ausência, mas devido ao meu retorno para o Brasil tive uma série de afazeres e por isso o Blog acabou ficando prejudicado!!!!
Mas hoje tenho o prazer de trazer mais uma resenha para lá de especial!!!! Vem comigo se apaixonar por essa linda estória de amor!!!!

Sinopse

“De todas as bobagens incríveis que ele já tinha visto as mulheres fazendo ao longo de sua vida, aquela era, sem dúvida, a pior.”

Sophie Talbot é conhecida pela Sociedade como uma das Irmãs Perigosas – mulheres Talbot que fazem de tudo para se arranjar com algum aristocrata. O apelido chega a ser engraçado, pois se existe algo que Sophie abomina é a aristocracia. Mas parece que mesmo não sendo uma irmã tão perigosa assim, o perigo a persegue por todos os lugares.

Quando a mais “desinteressante” das irmãs Talbot se torna o centro de um escândalo, ela decide que chegou a hora de partir de Londres e voltar para o interior, onde vivia antes de seu pai conquistar um título. Em Mossband, ela pretende abrir sua própria livraria e encontrar Robbie, um jovem que não vê há mais de uma década, mas que jura estar esperando por ela.

No entanto, ao fugir de Londres, seu destino cruza com o de Rei, o Marquês de Eversley e futuro Duque de Lyne, um homem com a fama de dissolver noivados e arruinar as damas da Sociedade. Rei está a caminho de Cumbria para visitar o odioso pai à beira da morte e tomar posse de seu ducado. Tudo o que ele menos precisava era de uma Irmã Perigosa em seu encalço.

O Marquês de Eversley está convicto de que Lady Sophie Talbot invadiu sua carruagem para forçá-lo a se casar com ela e conquistar um título de futura duquesa. Já Sophie tenta provar que não se casaria com ele nem que fosse o último homem da cristandade. Mas e quando o perigo tem olhos verdes, cabelos claros e a língua afiada?

Essa viagem será mais longa do que eles imaginavam…

Resenha

Mais um livro que tenho a oportunidade de ler da Sarah e mais uma vez ela não me decepcionou… Cilada para um Marquês foi sem dúvida nenhuma uma leitura para lá de agradável e emocionante… Eu fiquei com boca de quero mais… Mas vamos contar um pouquinho desta linda estória de amor entre Sophie e Rei…

Sophie Talbot é a mais nova das conhecidas Irmãs Perigosas de Londres, ou também conhecidas como as “Cinderelas Borralheiras”, elas eram filhas de um Conde que ganhou seu título em uma aposta e portanto a Sociedade não os via como nobres de verdade e com isso surgia todo tipo de piadas e fofocas, mas as demais irmãs floresciam sob a censura da Sociedade, elas eram lindas, ricas, inteligentes e interessantes, com exceção de Sophie – a irmã mais séria,  comportada e porque não dizer normal, se comparada as demais Talbot.

Todas estavam envolvidas em casos românticos que atraíam constante interesse e comentários do público, e as jovens Talbot adoravam a atenção, cada uma fazendo seu melhor para aparecer nos jornais de escândalos, exceto Sophie, que tinha interesse nos livros e na vida simples do Interior.

“Ninguém mais na família parecia ter problemas para se ajustar àquele mundo que Sophie nunca quis. Que ela nunca pediu… Sophie odiava Londres, as pessoas e suas referências mordazes à grosseria dos Talbot, ao dinheiro dos Talbot, ao título comprado por seu pai, ao título supostamente roubado por sua irmã. Ela odiava cada um daqueles rostos convencidos, o modo como desdenhavam de sua família e da maneira como viviam. O modo como aquelas pessoas viviam suas vidas, como se o resto do mundo girasse ao redor delas. Sophie as odiava um pouco mais do que odiava o fato de que sua família parecia não se importar com isso. Na verdade, sua família se deliciava com aquilo tudo.”

Quando resolveu defender a sua irmã mais velha de seu odioso marido na frente de toda a sociedade londrina, Sophie decide deixar aquela vida para trás e recomeçar na sua cidade natal, sonhando em abrir a sua livraria e ser feliz bem longe de toda a futilidade da capital… e foi nesse contexto que o destino une o seu caminho ao de Rei ou melhor dizendo ao de Aloysius Archibald Barnaby Reider. Marquês de Eversley. Futuro Duque de Lyne.

O marquês era um homem muito bonito, com lindos olhos verdes, cabelos castanhos, uma boca do pecado e um corpo forte e musculoso, ele era o homem mais bonito que Sophie tinha visto na vida, mas a sua reputação era conhecida em toda Londres, um grande canalha que destruiu a reputação de muitas mulheres que estavam prestes a se casar… Mas será que as aparências enganam??? Será que as fofocas são verdadeiras??? Como bem diz o ditado: nem tudo que reluz é ouro não é???

Assim que Rei colocou os olhos em Sophie ele sabia que tinha que manter distância dela e olha que ele tentou, mas a nossa protagonista fez coisas que uma dama jamais deveria fazer naquela época e eu me diverti muito com cada passo que ela dava…

A autora relata a estória de uma forma envolvente, que te prende e faz entrar madrugada a dentro sem conseguir parar de ler e para mim esse é um grande feito como leitora, só posso finalizar essa breve resenha indicando a leitura desta obra em sua íntegra sem medo de ser feliz!!!

Cilada para um Marquês possui 320 páginas e foi lançado em setembro de 2016 pela Editora Gutenberg.

Sarah MacLean passou boa parte da infância em meio a livros e bibliotecas, o que lhe inspirou o amor tanto por fatos históricos quanto por romances ficcionais. Formada pela Smith College e pela Universidade de Harvard, ambas em Massachusetts, foi quando se mudou para Nova York que Sarah finalmente decidiu unir suas maiores paixões e escrever o primeiro livro. Desde então, suas obras já entraram na lista de mais vendidos do The New York Times, do The Washington Post e do USA Today, além de terem sido traduzidas para mais de vinte idiomas.

Vencedora do prêmio RITA na categoria Romances de Época, Sarah MacLean também é colunista do The Washington Post. Ela ainda mora em Nova York, com o marido e a filha.

 

E este foi o Post de hoje!!!! Obrigado pela visita e até a próxima!!!!

 

Fernanda Tusutiya
Fernanda Tusutiya

posts relacionados

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *