Shih-Tzu

Como é ter um Shih-Tzu?

postado em setembro 26, 2016

fb_img_1474841329501_wm1

Bom dia meus Amores!!!! Tudo bem com vocês?

Hoje eu venho aqui falar sobre a minha experiência em ter uma filhota de 4 patinhas da raça Shih-Tzu. A Sophie está com 8 anos e durante todo este tempo só me deu alegrias, ela é muito carinhosa, companheira, alegre e muito dorminhoca… risos! A Sophie nunca destruiu nada em casa, cuida dos bichinhos dela como se fosse seus filhinhos, e como uma boa filhota mimada que é, ela tem muiiiitttoooossss bichinhos! Ela tem preferência pelos de pelúcia, os de borracha não fizeram sucesso aqui em casa!!!!

Bom vou falar um pouquinho sobre a raça Shih-Tzu:

O Shih Tzu é um pequeno cão de companhia, de pelagem longa e macia, muito apreciado por sua característica de beleza e pelo caráter calmo e afetuoso. É considerado hoje em dia, um dos mais populares cães de companhia em todo o mundo.

História da Raça Shih Tzu

Formada provavelmente a partir do cruzamento dos pequenos cães sagrados do Tibete com os antepassados do Pequinês moderno, a raça Shih Tzu foi levada para a Europa por volta de 1930, e desde então muitos exemplares foram criados com sumo cuidado por todo o continente.

Apesar de muita gente se confundir entre o Shih Tzu e o Lhasa Apso, há uma série de diferenças que distinguem essas duas raças entre si, a começar pela origem distinta. Apesar de ter suas raízes também no Tibete, a raça Shih Tzu foi desenvolvida na China, onde esses cães viviam nos palácios imperiais. Os primeiros exemplares foram levados ao ocidente após a China se tornar uma república, embora a primeira importação da raça pela Grã-Bretanha tenha sido registrada somente em 1931. O Kennel Clube Britânico concedeu o registro à raça em 1940.

Temperamento da Raça Shih Tzu

fb_img_1474841634101_wm1

O Shih Tzu é um cachorro muito ativo, atento e dócil. É uma raça considerada independente, porém carinhosa. Apesar do temperamento variar de cachorro para cachorro, os exemplares da raça Shih-Tzu apresentam uma personalidade e temperamento que é leal, carinhosa, alerta e extrovertida. Apesar de não ter sido criado para a finalidade de guarda, por sua natureza alerta e alto grau de atividade é também considerado um bom protetor. (A Sophie não entra nesta categoria de bom protetor… 🙂 … ela é super medrosa e não se manifesta  quando algum barulho aparece, o máximo que ela faz é olhar para mim e ficar esperando que eu tome uma atitude… risos)

Diferentemente do Lhasa Apso, que foi desenvolvido para desempenhar a função de cão de guarda e de alarme, o que o tornou muito desconfiado com estranhos, o Shih Tzu tende a ser mais receptivo e dócil. Por sua natureza essencialmente amigável, os exemplares da raça Shih Tzu são mais tolerantes com crianças, animais e pessoas estranhas, e costumam fazem amizade com mais facilidade (A Sophie adora visitas em casa, ela faz tanta festa que dá uma alegria imensa de ver). No entanto, o cão da raça Shih Tzu pode se irritar com facilidade quando provocado, portanto, considerando que alguns cães podem ser mais dominantes do que outros, é necessário um julgamento flexível nesta questão, e um cuidado redobrado pode ser necessário na presença de crianças, principalmente de crianças menores. (A minha pequena é muito boazinha, até em excesso na minha opinião, na presença de crianças ela pede com os olhos para que a gente à proteja, visto que ela nunca nem ameaçou morder ninguém, ela não sabe rosnar e só late em último recurso para chamar a nossa atenção, sendo que para isso ela prefere dar umas “patadas” nas nossas pernas… kkk… eu costumo brincar que ela parece o meu elefantinho, pois a mesma não tem nada de delicada, apesar da aparência fofinha.)

img_20160926_003219_wm1

Apesar de serem conhecidos por seu temperamento relativamente independente, nem todos os cães da raça Shih tzu lidam da mesma maneira com a ausência do seu dono ou dos familiares. Enquanto alguns cães desta raça encaram com tranquilidade períodos mais longos sem a presença da família, outros podem adquirir um comportamento excessivamente carente. Os cães bem disciplinados desde cedo, por outro lado, tendem a ser excelentes companheiros, amigáveis, extrovertidos, de temperamento tranquilo e equilibrado. (A Sophie desde pequenina aprendeu a ficar sozinha, afinal tanto eu quanto o Fê trabalhávamos fora, agora que estamos residindo aqui na Alemanha, eu fico em casa com ela, e a mesma aproveita da minha companhia, mas a rotina dela em si não alterou muito, pois a mesma adora dormir, e faz isso praticamente o dia todo, eu que acordo ela para brincar um pouquinho e encher ela de beijinhos, pois eu amo esta pequena mais do que chocolate 🙂 ).

Mas nem tudo são flores, a Sophie tem uma personalidade marcante, teimosa, só faz o que ela quer, não obedece quando a gente chama, mas diante de todas as sua qualidades, este defeito eu encaro como um “charme”, afinal ela é bonita e gostosa (risos), pode se dar ao luxo de ser “difícil” 🙂 .

A minha tem os pelos longos e nunca foram tosados, portanto para ter os pelos bonitos, saudáveis e sem nós, é necessário um cuidado, eu uso produtos de boa qualidade, escovo os pelos dela sempre, e para proteger os olhinhos os pelos do topo da cabeça sempre estão presos em uma chuquinha.

Tenha isso em mente se desejar ter um Shih-Tzu, é um cão adorável (eu não teria outra raça), mas precisa de cuidados, ter um Shih-Tzu para deixar largado é uma judiação, os pelos vão embolar, se não prender o topete o cãozinho corre o risco de ficar cego (como já vi em muitas fotos por aí). Se a sua vida for muito corrida, escolha outra raça, pois o Shih-Tzu precisa de certos cuidados a mais.

Bom este foi o meu relato sobre como é ter um Shih-Tzu!!!! Em resumo é muiiiitttoooo Amor!!!!

fb_img_1474841486523_wm1

orkut_1858

Beijinhos da Nanda 😘

 

Fonte de pesquisa: Guia de Raças

Fernanda Tusutiya

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *